segunda-feira, março 21, 2016

TRATADO DO CANTE - Modas:


“A PLANÍCIE ALENTEJANA

Solo:              No alvor da madrugada
                       Sai o gado para a pastagem
                       Num silêncio tão profundo
                       Lembra-me assim a vida selvagem.

Alto:               Na planície alentejana
Coro:              Oiço os chocalhos do gado
                        O assobio do pastor
                        E o latir dos cão macaco.

Alto:               Debaixo do Sol escaldante
Coro:              Vão pastando nos montados
                        Na planície alentejana
                        Oiço o balir e os seus chocalhos.

Ponto:           Desde o começo do mundo
                        Desbravando a natureza
                        O homem guarda o seu gado
                        Cheio de amor carinho e beleza.

Alto:               Na planície alentejana
Coro:              Oiço os chocalhos do gado
                        O assobio do pastor
                        E o latir do cão macaco.

Alto:               Debaixo do Sol escaldante
Coro:              Vão pastando nos montados
                        Na planície alentejana
                        Oiço o balir e os seus chocalhos.”

De Manuel Martins

Sem comentários: